CONTATOS, INCLUSIVE ASSESSORIAS DE IMPRENSA:
FALE CONOSCO!

Navegue à vontade

Na coluna à direita, logo abaixo das postagens preferidas do leitor, está o ZAPPING. Através dele você tem acesso direto às noticiais do dia, nacionais e internacionais, além de informações sobre quase tudo. ZAPPING. Uma central de notícias e entretenimento em que você escolhe o que quer.

10 de setembro de 2013

MERCADO RADIOFÔNICO EM PAUTA, MAS OLHAR VESGO PODE RESULTAR EM TIRO FORA DO ALVO

Notas discretas na coluna de Flávio Ricco, jornalista que cobre a pauta rádio e televisão (mais TV), no portal UOL.

radio_ricco Sobre a primeira nota, já falei no post Rumores reforçam interesse da Globo em emissora FM da capital paulista. As diferenças, no caso, se encontram na revelação do interesse da Jovem Pan no negócio e no valor da transação. Pelo que já foi anunciado, o grupo Estadão venderia as emissoras de FM e AM, por 58 milhões de reais, uma cifra bastante razoável. Os detalhes não invalidam a informação, pois, o que interessa é a movimentação no setor de radiodifusão, precisando de uma injeção poderosa como essa para aliviar os sintomas do “paciente”, o rádio. A informação de Flávio Ricco pode ser verificada no link que leva à coluna de hoje, do jornalista do UOL. Corra a página para baixo, até encontrar os destaques.

A segunda nota, trata exatamente da atual debilidade “física” do meio rádio, fator de preocupação dos empresários do ramo. O site especializado na cobertura da mídia rádio, Tudo Rádio, publicou, em 06 de setembro, notícia sobre a reunião destacada no link Panorama: Movimentação de gestores une o meio em São Paulo e deve seguir para outras praças do país

Posso estar enganado, mas, pelo que tenho ouvido, por exemplo, na Bandeirantes, o movimento de resgate já começou. Alguns spots convocam o anunciante a investir nessa mída, uma das mais tradicionais do setor de comunicações. Temo, apenas, pelo enfoque dado à questão. Para os “gestores”, o problema do atual estado do rádio é atribuído, apenas, à falta de anunciantes. Falar em elevar o nível da programação, ninguém fala. Esse olhar vesgo sobre o assunto pode fazer com que o o tiro erre o alvo e o propósito dê em nada.  da_pesada

Fontes: http://fg-news.blogspot.com.br/ http://televisao.uol.com.br / http://tudoradio.com / Foto: Gestores