CONTATOS, INCLUSIVE ASSESSORIAS DE IMPRENSA:
FALE CONOSCO!

Navegue à vontade

Na coluna à direita, logo abaixo das postagens preferidas do leitor, está o ZAPPING. Através dele você tem acesso direto às noticiais do dia, nacionais e internacionais, além de informações sobre quase tudo. ZAPPING. Uma central de notícias e entretenimento em que você escolhe o que quer.

4 de outubro de 2013

INSACIÁVEIS, IGREJAS TIRAM O QUE PODEM DO BOLSO DOS FIÉIS

A briga pela fatia evangélica disponível no mercado da fé tem levado a exageros de toda ordem. Os episódios mais evidentes dessa briga, são transmitidos para milhões de lares brasileiros, via televisão. Demônios exorcizados, ao vivo, aterrorizam os crentes e arrancam vultosas somas em dinheiro para “a obra do Senhor”. Não há limite. Via boleto bancário e cartão de débito ou crédito, vale tudo. Mas se for o caso de doar o cartão, como já fizeram alguns, inocentemente, não se esqueçam da senha; certo, Marco Feliciano?

Líderes espirituais que se auto-intitulam “bispos”, “missionários”, “reverendos”, “apóstolos” e companhia bela sucedem-se, nos vários canais, com promessas de vida eterna, no reino do céu. É bom que se diga que esses líderes são seguidos por representantes da igreja católica, receosos de ficarem para trás e perderem a boquinha rica representada, pelo bolso do fiel.

No fundo, o que fica mais claro que a luz do sol é a intenção arrecadatória de todos, sem distinção. Insaciáveis, sucedem-se a pedir cada vez mais. Agora, por exemplo, o “apóstolo” Valdemiro Santiago anda aparecendo, choroso, para os seguidores da igreja Mundial pedindo 21 milhões de reais. “Para pagar dívidas, sabe?”—diz, sem ficar envergonhado. Ô, dó!

Quem conta bem essa história é Ricardo Feltrin, colunista do site F5, do grupo Folha de S. Paulo. Vale a pena ler, para tentar entender como funciona o intrincado esquema que visa, em primeiro lugar, o bolso do fiel.

Através de denúncias entre eles mesmos, uns tentam conter o avanço de outros. Cada centímetro conquistado nesse território significa milhões de reais.

Dá para imaginar o tamanho da preocupação dos concorrentes, instalados em verdadeiros latifúndios etéreos, nos quais se planta a semente da esperança da vida após a morte.

*** *** *** *** ***

Veja mais sobre o assunto no link Pastor pede R$ 21 milhões aos fiéis para pagar dívida de TV

________________

Fonte: http://f5.folha.uol.com.br / Imagem: Valdemiro SantiagoRicardo Feltrin