CONTATOS, INCLUSIVE ASSESSORIAS DE IMPRENSA:
FALE CONOSCO!

Navegue à vontade

Na coluna à direita, logo abaixo das postagens preferidas do leitor, está o ZAPPING. Através dele você tem acesso direto às noticiais do dia, nacionais e internacionais, além de informações sobre quase tudo. ZAPPING. Uma central de notícias e entretenimento em que você escolhe o que quer.

8 de novembro de 2013

BURACO SEM FUNDO. PREFEITO DE SÃO PAULO SUSPEITA DA GESTÃO ANTERIOR COM CAUTELA

A suspeita de que o ex-prefeito paulistano, Gilberto Kassab, sabia do esquema fraudulento que desviava dinheiro da prefeitura deveria ser investigada a fundo. O segundo mandato de Kassab serviu, praticamente, apenas para que ele organizasse e fundasse um novo partido político, o PSD. Se considerarmos a dificuldade que Marina Silva teve para articular, sem sucesso, a Rede Solidariedade, diante das exigências da Justiça Eleitoral para autorizar a criação da nova legenda, o PSD de Kassab pode ser considerado um fenômeno. Não apenas pela criação em tempo recorde, mas, também (ou principalmente) porque conseguiu atrair para a nova sigla políticos de peso, conhecidos como “raposas”, pelo grau de esperteza.

O PSD, de Gilberto Kassab, é considerado a quarta maior bancada da Câmara Federal. São 51 deputados, dois governadores de estado, seis vice-governadores e mais de uma centena de deputados estaduais nas assembleias de todo o País, estando presente em 26 estados e no Distrito Federal. Bem estruturado, tem diretórios regionais formalmente estabelecidos. Além disso, o partido conseguiu eleger, em 2012, nada menos que 497 prefeitos e 4.600 vereadores em todo o país. Algo simplesmente espantoso, muito embora o dono do partido seja um hábil negociador. Como todos imaginam que político só troca de partido se levar alguma vantagem nisso, a pergunta seguinte é inevitável: que vantagem eles levaram? O tempo extra no rádio e na televisão, durante a campanha política, é um dos argumentos, mas a maioria deverá sacar o discurso das “enormes dificuldades que tinham para desenvolver seus projetos políticos nas antigas legendas a que pertenciam”. Ninguém fala em vantagem pecuniária, naturalmente, mas é impossível não pensar nisso. E de onde viria o dinheiro para apascentar os vorazes apetites dos novos ocupantes do PSD? Como dizem, perguntar não ofende. Então…

*** *** *** *** ***

Prefeito Fernando Haddad suspeita que fraudadores atacaram também outra fonte de tributos municipais durante a gestão passada. Os detalhes, no link “Haddad diz que quadrilha do ISS pode ter fraudado também IPTU 

Veja os números atuais do partido de Kassab e a projeção para as próximas eleições, no link “PSD completa dois anos e tem plano ambicioso para 2014

_______________

Imagens: Fernando Haddad - Gilberto Kassab -