CONTATOS, INCLUSIVE ASSESSORIAS DE IMPRENSA:
FALE CONOSCO!

Navegue à vontade

Na coluna à direita, logo abaixo das postagens preferidas do leitor, está o ZAPPING. Através dele você tem acesso direto às noticiais do dia, nacionais e internacionais, além de informações sobre quase tudo. ZAPPING. Uma central de notícias e entretenimento em que você escolhe o que quer.

13 de novembro de 2013

NOVO INSTITUTO DE PESQUISA PROMETE ESPELHAR AUDIÊNCIA REAL

Uma informação sobre pesquisa de audiência vem sendo divulgada nos últimos dias. O que a nota tem de discreta tem, também, de alvissareira. Trata-se de um novo instituto de pesquisa que vai fechar contrato com SBT, Record, Rede TV! e Bandeirantes para aferição da audiência de seus programas, em São Paulo. Entra no mercado brasileiro a empresa alemã GFK, que promete ser uma grande e séria alternativa para o IBOPE, instituto de pesquisa mais acreditado, hoje, pelas agências de propaganda. Você, com certeza, notou a ausência da rede Globo na lista de clientes que vão assinar com a GFK. Há muito tempo as demais emissoras estão descontentes com os números do IBOPE.

Os detalhes da entrada do grupo alemão no mercado de pesquisa de audiência vão ser conhecidos tão logo o contrato entre as partes seja assinado. Desde já, fico na expectativa de que a GFK apresente uma metodologia capaz de aferir melhor a audiência não só da TV, mas também do rádio. Na TV, a Globo se mantém na frente, liderando com folga, e a luta maior se resume aos segundo e terceiro lugares. Nessa disputa se alternam SBT e Record. Episodicamente, alguma coisa da Bandeirantes pontua melhor, mas é raro.

No rádio, então, é mais difícil ainda entender o resultado da audiência. Em especial no esporte. Vamos dar o desconto da má qualidade de som para justificar a queda do AM, mas, convém não esquecer que algumas emissoras como CBN, Pan e Bandeirantes contam com o apoio do FM em suas transmissões. E têm equipes esportivas vem estruturadas, com profissionais de renome, equipamentos de qualidade, mas o somatório de tudo isso não se reflete na audiência. Alguns programas, isoladamente, mesmo sendo muito conhecidos e comentados pela população aparecem muito mal na pesquisa.

Para concluir, pesquisadores do IBOPE são quase uma lenda. Muitos ouviram falar, quase ninguém já viu um deles. Qual o mistério? —é a pergunta mais insistentemente ouvida por aí. A resposta, esperamos, pode ser dada pela GFK.

*** *** *** *** ***

Para saber mais da GFK, visite o site brasileiro da empresa. Clique aqui

A mais recente pesquisa disponível sobre o AM está no link “Audiência do Rádio AM na cidade de São Paulo

No FM os número são mais expressivos, mas igualmente confusos. Clique no link “Audiência das emissoras FM na Grande de São Paulo

________________

Fontes: VejaColuna Flávio RiccoBastidores do RádioSite GFK Brasil / Imagens: Logos de TVsGFK Brasil - Audiência