CONTATOS, INCLUSIVE ASSESSORIAS DE IMPRENSA:
FALE CONOSCO!

Navegue à vontade

Na coluna à direita, logo abaixo das postagens preferidas do leitor, está o ZAPPING. Através dele você tem acesso direto às noticiais do dia, nacionais e internacionais, além de informações sobre quase tudo. ZAPPING. Uma central de notícias e entretenimento em que você escolhe o que quer.

3 de dezembro de 2013

“GIL GOMES LHES DIZ…” - O AUTOR DESTE BORDÃO PRECISA DE AJUDA

Gil Gomes, um dos maiores nomes do rádio informativo do setor policial de todos os tempos, está à míngua. Dito assim de chofre parece impossível, mas é a mais pura verdade. Acometido do mal de Parkinson, Gil vive sozinho e precisa de cuidados. Segundo o site http://www.parkinson.med.bra doença de Parkinson é uma afecção neurodegenerativa que se manifesta clinicamente através dos seguintes sintomas: tremor de repouso, rigidez muscular, lentidão de movimentos e alterações da marcha e do equilíbrio”.

Cabe, aqui, esclarecer que após a publicação da nota, pelo jornalista Flávio Ricco, uma filha de Gil Gomes, a advogada Wilma Gil Gomes esclareceu que o pai não está ao abandono e que viver sozinho no apartamento é uma opção dele, bem de acordo com a personalidade do ex-repórter policial.

Enquanto gozava de saúde perfeita a opção de Gil era razoável. Agora que a limitação de movimentos e a perda de equilíbrio comprometem o deslocamento, inclusive dentro de casa, viver sozinho passa a ser um risco considerável. Estatisticamente, 75% das quedas com lesões sofridas por pacientes da terceira idade ocorrem dentro de casa. Como se nota, a opção de Gil Gomes não pode nem deve ser acatada. Ele já não responde pelos próprios atos, embora queira continuar no comando. Neurologicamente, querer dar um passo pode não significar dá-lo de fato.

Compete a nós, que o conhecemos e o admiramos fazer alguma coisa, sim, mas em primeiro lugar a família deve agir. A manifestação de Wilma Gil Gomes demonstra uma certa preocupação, até com o Estatuto do Idoso que considera crime o abandono de familiares nas condições em que Gil Gomes se encontra. Coisa que a advogada, filha de Gil, conhece. Para sanar a curiosidade do leitor, o assunto está contido na LEI No 10.741, DE 1º DE OUTUBRO DE 2003, no capítulo IX, que trata Da Habitação.

É louvável a iniciativa do apresentador Raul Gil, do SBT, que, ao saber da situação do colega repórter policial, arcou com algumas despesas emergenciais. Uma atitude digna de se tirar o chapéu para o veterano apresentador de TV. A continuidade, é claro, depende também de outras providências. Reitero, aqui, a sugestão que fiz através da rede social Facebook: Emissoras de rádio e televisão que ganharam tanto dinheiro com Gil Gomes, poderiam se cotizar e tirar essa despesa de letra. A ajuda humanitária, feita a título de donativo, pode ser abatida do Imposto de Renda. Um gesto semelhante à via de mão dupla, em que um vai e outro volta. Simples assim.

*** *** ***

*Atualização: O blog Radioamantes, de Rodney Brocanelli, nesta terça-feira, 3 de dezembro, publicou um post sobre o assunto.

Na linha do jornalismo sensacionalista, cujo objetivo é angariar audiência efervescente, tipo Sal de Frutas, o radialista Kaká Siqueira, essa figurinha ao lado, colocou Gil Gomes no ar, para “desmentir” o colega Flávio Ricco, acusado de praticar jornalismo açodado e irresponsável. Usando palavras grosseiras e completamente distanciadas do que significa a prática do bom jornalismo usou o próprio programa para desmentir a informação. Repare na tonalidade da voz e na dificuldade de articulação de Gil Gomes. O juízo final quem faz é você. 

De quebra recomendo que você termine de ouvir o áudio, do Radioamantes, após o depoimento sofrido de Gil Gomes. Kaká Siqueira, que tanto criticou Flávio Ricco, aproveitou para mostrar, no ar, o que é bom jornalismo ao narrar a agressão de “Carlão de Guarulhos a um taxista”. Repare na seriedade narrativa. Coisa fina, sem dúvida. Digna da maior credibilidade, né?

Clique aqui, para ficar ciente de que Gil Gomes está muito bem… segundo Kaká Siqueira.

*** *** *** *** ***

Veja as informações originais sobre Gil Gomes, no link “Socorro - Gil Gomes precisa de ajuda

Conheça um pouco da doença de Parkinson e suas consequências, no link “A maior parte dos acidentes com pessoas na terceira idade ocorre dentro de casa

______________

Fontes: Alaor Checchia CoutinhoFlávio RiccoPortal Jovem PanPortal do Planalto

Imagens: Gil GomesRaul GilKaká Siqueira