CONTATOS, INCLUSIVE ASSESSORIAS DE IMPRENSA:
FALE CONOSCO!

Navegue à vontade

Na coluna à direita, logo abaixo das postagens preferidas do leitor, está o ZAPPING. Através dele você tem acesso direto às noticiais do dia, nacionais e internacionais, além de informações sobre quase tudo. ZAPPING. Uma central de notícias e entretenimento em que você escolhe o que quer.

4 de junho de 2015

NÃO ERA VERDADE. OU MELHOR, ERA, MAS NÃO ERA. FICOU CLARO?

Caí no “conto do fim do Blogger”. Não, não se trata de nenhum “golpe” com finalidade criminosa ou, sequer, escusa. No link postado ao final deste texto, você tem acesso a um vídeo com Marcos Lemos, autor do anúncio sobre o fim do Blogger Brasil.

Após a repercussão que o aviso alcançou, Lemos, agora, explica em detalhes o que, de fato, vai acontecer. Uma coisa é certa: o Blogger Brasil está no fim. Porém, uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa, como dizem e Marcos Lemos deixa claro. Veja lá, então qual é a coisa que vale.

Para aplacar sua curiosiade, antes de clicar no link, fique ciente de que o nosso blog não vai acabar. Pois é… não vai acabar, mas não o atualizarei mais com a periodicidade de antes. E por quê? A resposta é simples: falta de interesse do leitor.

Em quase cinco anos de existência, sempre que pude escrevi algo sobre rádio, embora não necessariamente. Com alguns anos de convivência no meio radiofônico, eu tinha histórias para contar. Quando não, dava uns pitacos em determinados assuntos relativos ao meio. Não na condição de expert, coisa que nunca fui, mas opinando em caráter estritamente pessoal e, até, como apaixonado pelo assunto. Nada além disso.

Ocorre que estando fora do ar há muitos anos, hoje são poucos os ex-ouvintes que ainda se lembram de meu nome. Então, o blog se tornou, apenas, um meio de contato virtual entre mim e algumas poucas pessoas. Embora eu tenha por todas elas muito carinho e consideração, não posso me iludir e imaginar que o blog é fundamental ou importante no contexto da radiodifusão atual.

Vivemos outros tempos. O rádio mudou. O ouvinte mudou. Conceitos de ontem não se usam mais. Dispenso-me de emitir uma opinião sobre a mudança, se para melhor ou para pior. Mudou para se adequar aos tempos atuais. E ponto final.

Quando li o aviso sobre o fim do Blogger e, equivocadamente, entendi que o “FG-News, onde os fatos se encontram” estava com os dias contados (assim como os demais blogs hospedados no Blogger), publiquei pelo Facebook um aviso aos amigos. Já havia um bom tempo que eu não publicava nenhum post, exatamente porque a percepção de retorno que o blog alcançava não era das melhores e, por isso mesmo, não via mais sentido em continuar com ele. Entretanto, como a Internet é um arquivo fantástico onde se encontram bilhões (já estaríamos na casa dos trilhões ou ainda mais?) de informações, imaginei que, com o fim do blog, os posts publicados desapareceriam da rede.

Considerei que isso seria descortês em relação aos personagens das muitas histórias que escrevi sobre pessoas que conheci e fatos que testemunhei ou, pelo menos, dos quais ouvi falar. Daí, a intenção de recuperar as histórias publicadas até hoje e mantê-las hospedadas em outro endereço, como arquivo. Caso alguém pesquisasse na rede, algumas histórias ainda poderiam ser encontradas. Com a elucidação da verdade, fica valendo o seguinte: manterei o atual endereço e não se fala mais nisso.

Se, doravante, eu considerar que um determinado assunto vale a pena se comentado ou debatido com os amigos, publicarei alguma coisa a respeito. Todavia, antevejo que tais momentos serão cada vez mais raros. Faço questão de reiterar que continuo à disposição dos amigos. Sempre que solicitado, não me furtarei o prazer de responder a todos sobre meu tema preferido, qual seja, o rádio. Como se diz ao término das mais apaixonadas histórias de amor, “foi bom enquanto durou”. Um grande abraço a todos.

Agora, eis o link em que Marcos Lemos explica tudo: CLIQUE SOBRE A FOTO

fim do blogger_a_verdade